Qual é Nossa Teologia de Avanço e Progresso e Quais Marcos são Iminentes?

O Diretor Executivo da Aliança Global Wycliffe, Kirk Franklin, iniciou um diálogo e uma reflexão sobre como o progresso no movimento de tradução da Bíblia pode ser medido. Enquanto reconhece o valor da coleta estatística padrão – por exemplo, quantas línguas já têm acesso adequado às Escrituras, quantos trabalhos de tradução da Bíblia estão em andamento, e quantas línguas ainda precisam de tradução da Bíblia – propôs questões a líderes da Aliança com considerações teológicas mais amplas, como:

  • Como sabemos o que Deus considera progresso no movimento de tradução da Bíblia e quais marcos são teologicamente significativos nas décadas futuras?
  • Que marcos serão cruzados nos próximos anos e quando?

Kirk compilou o feedback recebido para uma apresentação na reunião FOBAI de maio de 2019. Este documento (somente em inglês) apresenta, com mais detalhes, seus pensamentos e a contribuição que recebeu, a fim de ajudar os participantes do movimento global de tradução da Bíblia a levarem adiante o diálogo, considerando juntos a melhor maneira de buscar a liderança de Deus na mensuração do progresso.

O mais recente

Ver todos os artigos

As organizações da Aliança continuam focadas na Ucrânia

Agora, em seu quinto mês, a guerra na Ucrânia co...

consulte Mais informação

Preparando a mesa

Em 12 países, as mesas de tradução da Bíblia estão criando uma colaboração sem precedentes.

consulte Mais informação

A tradução da Bíblia e a igreja

A igreja global não é apenas um agente para a tradução bíblica. No panorama geral, a igreja é o objetivo da tradução bíblica.

consulte Mais informação