Confiando em Deus em um mundo de sofrimento e incerteza

Da Wycliffe Hoje da Wycliffe Austrália: ‘O Deus do inesperado.

Por Susanna Baldwin

Sempre tive um amor pelas palavras, pela comunicação e pela linguagem. Por muito tempo, não tive essa visão para usar esses dons em um contexto ministerial. Mas, há cerca de 10 anos, comecei a sentir o impulso para deixar minha carreira secular e investir em algum tipo de trabalho profissional cristão. À medida que eu fui me adaptando ao que isso poderia se tornar, rapidamente cheguei a ver a tradução da Bíblia como sendo uma boa opção e para os interesses e habilidades que Deus tinha me dado.

Atualmente estou na cidade de Darwin, na Austrália, trabalhando no projeto de tradução da Plain English Version (PEV) em parceria com a Sociedade Australiana de Idiomas Nativos. Meu plano original era servir a SIL na Etiópia, contudo só consegui ficar na Etiópia por dez dias no ano passado, antes que a COVID-19 acontecesse, e a Wycliffe começasse a convocar sua equipe no exterior. Sendo tão nova no campo, e com os escritórios da SIL e a escola de idiomas fechando, foi uma decisão fácil (se bem que decepcionante) deixar a Etiópia e aguardar a pandemia passar em um ambiente mais familiar.

Fui para o Reino Unido, onde mantive a empresa de minha mãe por vários confinamentos e continuei trabalhando em um projeto de escrita de livros (que ainda está em andamento). O livro é baseado em algumas pesquisas que fiz na faculdade bíblica, sobre os três amigos de Jó – os famosos “consoladores miseráveis”. No livro, eu faço a pergunta: o que significa ser um ‘bom’ consolador? Meu objetivo consiste em aproveitar as lições de Jó e seus amigos para ajudar a preparar o cristão comum a falar sobre o sofrimento de outras pessoas com compaixão e clareza bíblica.

Perto do final de 2020, ainda com a ida Etiópia parecendo incerta, comecei a conversar com a Wycliffe sobre a possibilidade de uma missão temporária retornando à Austrália. Eles sugeriram o PEV como um projeto no qual eu poderia me envolver sem a necessidade de estudo prévio do idioma ou de uma orientação cultural extensa. Fiquei muito grata pela oportunidade e gostei muito de fazer parte da equipe aqui.

Quando acompanhamos a devastação provocada pela COVID-19 em todo o mundo, podemos nos perguntar o que Deus está planejando e fazendo em meio a tanto sofrimento. A pandemia com certeza me levou a pensar de forma mais concreta acerca do que significa para Deus estar “no controle” de um mundo em sofrimento.

Eu amo como a Bíblia nos lembra com tanta frequência da simples verdade de que Deus é Deus e nós não somos. O livro de Jó é um ótimo exemplo disso! No capítulo 26 no versículo 14, Jó narra o comando absoluto de Deus sob os aspectos mais extensos e etéreos da criação. No fim de tudo, ele diz: “E isso tudo é apenas a borda das suas obras! Um suave sussurro é o que ouvimos dele”. Como podemos não confiar e descansar em um Deus assim?

Por favor, ore:

  • para que a orientação de Deus possa produzir uma tradução fiel a Sua verdade, ao mesmo tempo, em que seja clara e compreensível para os leitores
  • Para que eu me sinta motivada e animada pelo evangelho para além do meu amor à análise dos textos bíblicos e do jogo de palavras
  • por discernimento a respeito do meu futuro – seja para eventualmente servir na Etiópia, ou para continuar o trabalho a longo prazo entre os falantes do idioma nativo australiano.

09/2022 Filipinas

Dentro e por meio de uma pequena comunidade

Depois de quase 50 anos de trabalho de tradução, o povo Barlig da Pr...

Leia mais

08/2022

Em Moçambique, a tradução promove união

Mesmo antes de um único versículo ser traduzido, um projeto de tradu...

Leia mais

07/2022 Philippines

A jornada da tradução da Bíblia

A jornada da tradução da Bíblia da Aliança Global Wycliffe no Vi...

Leia mais