O movimento de tradução da Bíblia mostra grande progresso

Após uma desaceleração previsível durante os primeiros dois anos da pandemia, o movimento global de tradução da Bíblia registou grandes avanços no ano passado, com a Ásia e a África assumindo a liderança.

Atualmente, mais pessoas que falam mais idiomas têm acesso a mais da Bíblia do que em qualquer época da história, de acordo com o ProgressBible. Até 97,4 por cento de todas as pessoas no mundo têm acesso a pelo menos alguma parte da Bíblia, 80 por cento possui a Bíblia completa e 91 por cento dispõe pelo menos do Novo Testamento. Esses números estão aumentando de modo bastante rápido. Somente no ano passado*:

  • Mais 60 milhões de pessoas têm acesso à Bíblia completa no idioma que conhecem melhor.
  • 27 milhões de pessoas a mais têm acesso ao Novo Testamento.
  • E o trabalho de tradução da Bíblia já começou em mais 356 idiomas.

*Agosto de 2022 a agosto de 2023

As Escrituras estão sendo disponibilizadas em formatos impressos, digitais e de áudio, juntamente com linguagem de sinais. Esses exemplos são do povo Tao da Ilha das Orquídeas, na costa sudeste de Taiwan. Foto: Marc Ewell, Aliança Global Wycliffe

Terry Dehart, analista de dados da ProgressBible, atribui parcialmente a aceleração deste ano a uma recuperação dos anos de pandemia. Outro fator de grande importância a ser destacado, ele acrescenta, é o compromisso notável do coletivo Every Tribe Every Nation (ETEN) [Toda Tribo Toda Nação, TTTN, em tradução livre] junto com seus parceiros globais, que estão empenhados em iniciar a tradução da Bíblia e em seguida relatar o andamento desse processo.

Mais de metade de todos os idiomas do mundo têm agora trabalhos de tradução da Bíblia em andamento, incluindo algumas que estão realizando esse trabalho pela primeira vez, enquanto outras estão focadas na conclusão de suas traduções ou passando por revisões. Conforme indicado pela ProgressBible, há um total de 7.394 idiomas vivos em todo o mundo, o que inclui centenas de línguas de sinais para surdos, muitas vezes não contempladas em outras listas linguísticas.

Tal fato reduz o número de comunidades linguísticas que estão aguardando o início da tradução da Bíblia para apenas 1.268, o que representa uma diminuição de 412 em relação ao ano anterior. Em outras palavras, quase 25 por cento das línguas listadas restantes em 2022 tiveram projetos planejados ou iniciados em 2023. E, pela primeira vez, o número de pessoas em todo o mundo que esperam pelo início da tradução da Bíblia é inferior a 100 milhões, o que equivale a aproximadamente 1,3% da população global.

No ano passado, Indonésia, Nigéria e Papua-Nova Guiné iniciaram ou planearam projetos para 30 ou mais idiomas. Esses três países são responsáveis por mais de metade do aumento global no ano passado.

Destaca-se no cenário de 2023 a notável aceleração em relação aos anos mais desafiadores da pandemia, ou seja, 2020 a 2022. Este gráfico mostra os números impressionantes, de modo global e por região:

Acesso global às Escrituras

Taxas de progresso, 2023 vs. 2020-22

 Exibido por quantidade de idiomas  

Fonte: ProgressBible

Um movimento de amadurecimento

Na África do Sul, as pessoas oraram pelos dispositivos de áudio que continham as Escrituras Sepulana traduzidas antes de serem distribuídas aos membros daquela comunidade. Foto: Jennifer Pillinger, Wycliffe África do Sul

Dehart diz ver evidências nessas estatísticas de que o movimento de tradução da Bíblia está amadurecendo. O objetivo das gerações anteriores frequentemente se resumia a "os missionários chegam, trabalham, completam o Novo Testamento e seguem em frente". Hoje, uma visão muito mais abrangente se desenvolveu, que envolve a conclusão de toda a Bíblia, a atualização e revisão de traduções antigas. Isso muitas vezes acontece com o envolvimento ativo das comunidades linguísticas e igrejas locais, que assumem a tarefa por si mesmas e também auxiliam suas comunidades a permanecerem envolvidas continuamente com as Escrituras traduzidas.  

“É muito mais uma tarefa contínua do que um evento único”, diz Dehart. “Ver centenas de idiomas com uma Bíblia ou Novo Testamento e um projeto em andamento sugere que estamos ultrapassando o objetivo inicial e tentando sustentar uma tradução recente e completa da Bíblia no longo prazo”.

Stephen Coertze, diretor-executivo da Aliança Global Wycliffe, confirmou a importância das estatísticas de acesso às Escrituras como uma forma de medir o progresso mundial da tradução da Bíblia. 

“As verdadeiras histórias são encontradas em vidas e comunidades transformadas, à medida que as pessoas encontram Deus através da sua Palavra e à medida que a igreja mundial se move em direção a uma maior unidade em Cristo”, disse Coertze. "Como Aliança, nossa visão global persiste em aspirar a transformação de cada indivíduo, comunidade e nação por meio do amor e da Palavra de Deus, que são expressos em seu idioma e cultura”.

“Apesar de celebrarmos o início das traduções em andamento, nosso compromisso persiste em concluir a tradução das Escrituras para todas as comunidades linguísticas, realizando revisões apropriadas e fornecendo as Escrituras no formato (escrito, oral, ou em língua de sinais) necessário para cada uma delas”, acrescentou. “Para tornar realidade a visão que almejamos, manteremos nossos relacionamentos com a igreja e outros colaboradores enquanto trabalhamos juntos para capacitar cada indivíduo a se conectar com Deus por meio de Sua Palavra”.

 

A Aliança Global Wycliffe apresenta anualmente Estatísticas Globais de Acesso às Escrituras a partir de dados fornecidos através da ProgressBible pelas organizações da Aliança, SIL Internacional, Sociedades Bíblicas Unidas e muitos outros parceiros. Os dados atuais são de 1º de setembro de 2023. Nosso relatório completo, o que inclui gráficos informativos, dados sobre a população mundial e a quantidade de idiomas, além de explicações sobre a terminologia, está disponível aqui.

•••

Entrevista: Jim Killam, Gwen Davies

As organizações Aliança podem baixar e usar as imagens deste artigo.

Informar, ensinar e inspirar: Workshop da Papua Nova Guiné ensina narração de histórias em vídeo para comunidades linguísticas

Workshop da Papua Nova Guiné ensina narração de histórias em vídeo para comunidades linguísticas

Leia mais

Olhando à frente de 2024

À medida que o ano se desenrola, ficamos maravilhados com a obra de Deus no nosso mundo em constante mudança. E esperamos ansiosamente por uma série de reuniões e conversas com o propósito de consolidar nossa união.

Leia mais

Contando a história da Bíblia

É surpreendente que um museu faça parte das organizações da Aliança Global Wycliffe. Mas os líderes do Museu Maná partilham a paixão por inspirar as pessoas a explorar a Bíblia, a sua história e teologia.

Leia mais