COVID-19: Uma mensagem de Kirk Franklin

Kirk Franklin

Caros amigos,

Vivemos o que políticos, historiadores e economistas chamam de tempo sem precedentes. É muito preocupante. No entanto, servimos a um Deus vivo que sabe o que está acontecendo. A crise do COVID19 não O pegou de surpresa. Lembro-me dessa reafirmação do Salmo 117: 1-2 (ARC): “Louvai ao Senhor, todas as nações; Louvai-o, todos os povos. Porque a sua benignidade é grande para conosco, e a verdade do Senhor é para sempre. Louvai ao Senhor!” Fazemos parte de uma nação que está lidando com um tipo de crise que talvez eles não enfrentaram antes. Pode ser difícil adorar ao Senhor em tempos de crise. Então, temos que nos disciplinar para fazer isso.

Quero lhes atualizar sobre como estamos lidando com essa crise, e dar alguns conselhos para esses tempos incertos:

  1. Leve a sério a pandemia global do COVID19. Considere que isso afetará todos os aspectos das operações de sua organização. Isso exige discernimento, sabedoria e medidas sábias e decisivas da liderança e dos conselhos de todas as organizações.
  2. Se apoie nas Escrituras. Deus orientou o Seu povo durante crises muitas vezes no passado. Reflita sobre Seu cuidado com o povo de Israel em todo o Antigo Testamento. Considere a capacitação do Espírito Santo nos primeiros discípulos depois que Jesus os deixou (e alguns inicialmente se sentiram abandonados por Ele). Pense em todos os momentos no livro de Atos em que Deus interveio por Seus mensageiros quando suas vidas estavam ameaçadas.
  3. A oração é essencial. Para apoiar a oração em toda a Aliança e dentro do Movimento de Tradução da Bíblia, nossos líderes de oração criaram uma página em nosso site, wycliffe.net. Por favor verifique se os pedidos de oração de sua organização estão sendo enviados ao coordenador de oração da sua área. Se você não sabe quem é seu coordenador, pergunte ao seu Diretor distrital.
  4. Você não está sozinho. Enquanto cada organização da Aliança enfrenta situações únicas, existe semelhanças. Por exemplo, organizações que enviam pessoas para outros países para trabalharem para Organizações da Aliança ou parceiros como a SIL, têm a responsabilidade de garantir que todo o seu pessoal esteja seguro. Se você não sabe o que fazer, é bem provável que existam organizações que podem te ajudar. Entre em contato com o diretor distrital da aliança para obter ideias sobre com quem entrar em contato.
  5. Apoie um ao outro. À medida que mais funcionários da Organização da Aliança trabalham virtualmente, e principalmente, se não estão acostumados, isso cria preocupações sociais e mentais. Para entrar em contato, usamos plataformas como Zoom, WhatsApp e Skype, ferramentas essenciais. Muitas pessoas da Organização da Aliança não possui banda larga adequada para esses aplicativos; portanto, outros métodos precisam ser usados.
  6. Mantenha-se informado. Existem muitas fake news ou notícias falsas nos inundando. Precisamos de discernimento, e é prudente consultar as autoridades que gerenciam a crise, como as autoridades do governo e a Organização Mundial da Saúde (OMS). Muitos escritores fizeram pesquisas sobre como limitar a exposição ao vírus, incluindo o distanciamento social. Este artigo, por exemplo, mostra um estudo.Sejamos bondosos com as reações dos outros à crise, como quando alguém pensa que os outros estão exagerando.
  7. A crise pode durar muito tempo. Passamos do ponto onde essa crise terminará nas próximas semanas. Pode levar muitos meses, o resto do ano, ou até o próximo ano. Veremos as companhias aéreas falirem. Pode haver dificuldades sociais e econômicas enfrentadas por pessoas em todo o mundo. Vamos usar essa crise para nos concentrar no que Deus pode fazer por meio de nós. Se você está familiarizado com o processo Examen, ele usa um processo de “análise” nos momentos em que nos sentimos sozinhos ou afastados do Senhor. Essas são desolações. Então, temos os momentos em que notamos as agitações em nosso coração que nos trazem alegria e proximidade ao Senhor. Esses são consolos. É fácil se concentrar no medo e na incerteza que podemos enfrentar. Porém, quanto mais nos concentrarmos na alegria e em nos aproximarmos do Senhor por meio de Sua graça, mais fortes nos tornaremos para superar essa crise.

A Equipe de Liderança da Aliança (ELA) tomou várias medidas relacionadas à crise. Isso começou no final de janeiro, quando cancelamos nossa primeira reunião presencial do ano, programada na Malásia em fevereiro. Isso foi muito antes da OMS declarar a Pandemia Global, mas vimos sinais emergindo rapidamente. Posteriormente, nossos Diretores distritais tiveram que cancelar reuniões. Outros membros da equipe que planejavam reuniões especiais tiveram que cancelá-las ou reagendá-las. Nossa diretoria adiou sua primeira reunião presencial do ano em abril. Muitos congressos internacionais e regionais organizados pelas Organizações da Aliança foram canceladas ou adiadas. E nosso parceiro, SIL, adiou ICON para 2021.

Aqui estão alguns outros aspectos que podem ser do seu interesse:

  • Reuniões virtuais: Embora as reuniões presenciais tenham sido canceladas ou adiadas pela ELA até pelo menos o final de junho, estamos nos reunindo virtualmente; e o Conselho da Aliança planeja fazer isso em abril. Demos início a uma reuniao de gestão de crises regular no Zoom para monitorar como a crise está afetando a Aliança.
  • O Encontro Internacional: Estamos avaliando nossos planos para essa reunião que está prevista para setembro de 2020 em Joanesburgo. Não estamos prontos para decidir se teremos o encontro, se o faremos de outra forma, se o adiamos ou cancelamos. Se tiver sido convidado a participar dessa reunião, você pode esperar ouvir uma decisão nas próximas semanas.
  • Retomando viagens e reuniões presenciais: Quando a OMS declarar que a Pandemia Global terminou, ELA e toda a equipe designada pela Aliança estarão livres para considerar seus compromissos de viagem. É um risco muito grande permitir que eles viajem (pelo menos internacionalmente) enquanto a crise está em curso (devido a uma série de problemas: apólices de seguro de viagem que não cobrem uma pandemia global; probabilidade de ficarem presos no local; chance de serem portadores do vírus; possibilidade de contrair o vírus no exterior; horários limitados das companhias aéreas, etc.)
  • A transição do diretor executivo: Esse não é um bom período ou contexto para gerenciar uma transição de liderança. Uma orientação decisiva para a Aliança e a ELA é crucial. Monitoraremos isso de perto com a ELA e a diretoria.

Para encerrar, encorajo você a se aproximar do Senhor e permitir que esse momento de incerteza seja o momento em que estamos crescendo nEle, aprendendo mais e aprofundando nosso relacionamento com Ele e com as comunidades que fazemos parte. Que o Senhor nos permita florescer nessa estação!

Seu em Cristo,

Kirk Franklin
Diretor Executivo

O mais recente

Ver todos os artigos

As organizações da Aliança continuam focadas na Ucrânia

Agora, em seu quinto mês, a guerra na Ucrânia co...

consulte Mais informação

Preparando a mesa

Em 12 países, as mesas de tradução da Bíblia estão criando uma colaboração sem precedentes.

consulte Mais informação

A tradução da Bíblia e a igreja

A igreja global não é apenas um agente para a tradução bíblica. No panorama geral, a igreja é o objetivo da tradução bíblica.

consulte Mais informação